Sonho de Caminhoneiro
4.381 visualizações
Afinação: Cebolão em Mi
Afinação: Ritmo: Toada
Corrigir

aperte Esc para fechar
Espaço para play/pause

Tom: A

    D                   A                  E                                           A
E |-10---12---14---12---9----10---9----7---10----7---5---4----5----4----5----4-----2----0--|
B |-12---14---15---14---10---12---10---9---12----9---7---5----7----5----7----5-----3----2--|
G#|----------------------------------------------------------------------------------------|
E |----------------------------------------------------------------------------------------|
B |----------------------------------------------------------------------------------------|

A                      E        D                    A
Eram dois amigos inseparáveis, lutando pela vida e o pão
                     E                         D                 A
Levando um sonho de cidade em cidade, de serem donos do seu caminhão
          D                       B7                 E
Com muita luta e sacrifício pra pagar em dia a prestação
         D                A             E                    A
Se realizava o sonho finalmente do empregado, passa a ser patrão

A                        E             D                 A
Suas viagens eram intermináveis, de cansaço de poeira e chão
                        E            D                 A
Um dos amigos o recém casado, ia ser pai do primeiro varão
       D                         B7                     E
Com alegria vinham pela estrada, não vendo à hora de chegar
         D                 A                     E              A
E o caminhoneiro disse ao amigo, vou lhe dar meu filho para batizar

          A               E         D                A
Mas o destino cruel e traiçoeiro, marcou a hora e o lugar
                          E                D                A
A chuva fina e a pista molhada, com uma carreta foram se chocar
          D                    B7               E
Mas como todos tem a sua sina, um a morte não levou
        D                   A                           E                A
E agonizante nos braços do amigo disse vai conhecer meu filho, porque eu não vou

 E                           D            A                                     E
Naquela curva, beira da estrada, uma cruz ao lado de um pinheiro marca para sempre
      D          A                   D                              B7
Onde foi ceifada    A vida e o sonho    de um caminhoneiro, com a morte do
                 E           D           A               E                      A
Companheiro a Saudade vai chegar àqueles bons e velhos tempos nunca mais irão voltar

          A               E         D                A
Mas o destino cruel e traiçoeiro, marcou a hora e o lugar
                          E                D                A
A chuva fina e a pista molhada, com uma carreta foram se chocar
          D                    B7               E
Mas como todos tem a sua sina, um a morte não levou
        D                   A                           E                A
E agonizante nos braços do amigo disse vai conhecer meu filho, porque eu não vou

mande seu vídeo tocando #aprendinocifrasdeviola

Grave um vídeo tocando "Sonho de Caminhoneiro", poste no Youtube e envie o link pra gente! Você aparecerá aqui mostrando seu talento.

Envie seu vídeo
o que achou da música?
Ver Resultados
Total de 4 votos.
Muito Fácil: 2 votos. (50%)
50%
Fácil: 2 votos. (50%)
50%
Médio: 0 votos. (0%)
0%
Difícil: 0 votos. (0%)
0%
Muito Difícil: 0 votos. (0%)
0%
comentários

Faltam caracteres

Obs: Seu comentario está sujeito à aprovação.

Julio Felipe
4 meses atrás
Acho que o ritmo não é toada, fiz no cateretê e ficou legal!!
Cifras de Viola
4 meses atrás
Bom dia Violeiro!!! Obrigado pela informação, ela cabe bem em caterete tambem.

Faltam caracteres

Ajude o CifrasdeViola a permanecer no ar:
Mostrar Acordes