Mineirinho de Fibra
2802 visualizações
Afinação: Cebolão em Mi
Afinação: Ritmo: Pagode
Corrigir

aperte Esc para fechar
Espaço para play/pause

Tom: E

 E|----4/12-12-12-----11-11/12----7-7-7----5-5/7-----
 B|----5/14-14-14-----12-12/14----9-9-9----7-7/9-----
G#|--------------------------------------------------
 E|--------------------------------------------------
 B|-0--------------0------------0--------0-----------

 E|---7-7-7-----5-5/7----5---4---2---0---[12]----|
 B|---4-4-4-----2-2/4--------------------[12]----|
G#|----------------------5---3---1---0---[12]----|
 E|--------------------------------------[12]----| 
 B|-0--------0---------0---0---0---0-----[12]----|

   E
Um mineirinho de fibra neto de um velho escravo
Da pele bem bronzeada cor de canela com cravo
           B7                                 B7  E  B7
Criado no sertão bruto no meio de bicho bravo
  A            E                                 B7           E 
Dentro da sua razão ele gastava um milhão pra defender um centavo.

Introdução

  E
Na sua cama de esteira sonhava com o tesouro
E se viu ganhar dinheiro mas sem levar desaforo
       B7                                       B7  E  B7
Com esperança e coragem chegou na terra do ouro
  A                 E                                 B7          E 
Onde a lei era o patrão e quem lhe disesse não ali deixava seu couro.

Introdução

 E
Mas o mineiro de fibra com boato não se zanga
Na luta em busca do ouro ele arregaçou as mangas
           B7                                     B7  E  B7
Encontrou uma fortuna sofrendo igual boi de canga
  A                 E                                       B7           E
Foi receber seu quinhão mas encontrou seu patrão entre um bando de capanga.

Introdução

 E
Como estava acostumado seu patrão falou assim
Tudo que sai dessa terra pertence somente a mim
          B7                                    B7  E  B7
Ou você volta sem nada ou vai encontrar seu fim
   A            E                                   B7          E
Mineirinho respondeu vou levar o que é meu foi pra isso que eu vim.

Introdução

  E
Começou o jogo da morte a onde o ouro era taça
Mas só se via capanga tombando entra a fumaça
        B7                                     B7  E  B7
Patrão deu a sua parte deixou de fazer trapaça
A                    E                                    B7          E
Não viveu mais na pobreza mas pra ter sua riqueza, mineirinho mostrou raça.

mande seu vídeo tocando #aprendinocifrasdeviola

Grave um vídeo tocando "Mineirinho de Fibra", poste no Youtube e envie o link pra gente! Você aparecerá aqui mostrando seu talento.

Envie seu vídeo
o que achou da música?
Ver Resultados
Total de 5 votos.
Muito Fácil: 1 votos. (20%)
20%
Fácil: 1 votos. (20%)
20%
Médio: 1 votos. (20%)
20%
Difícil: 2 votos. (40%)
40%
Muito Difícil: 0 votos. (0%)
0%
comentários

Faltam caracteres

Obs: Seu comentario está sujeito à aprovação.

Chicodaviola
5 meses atrás
Muito fácil. Parabéns pela sua ajuda! !!!!

Faltam caracteres

Ajude o CifrasdeViola a permanecer no ar:
Mostrar Acordes